Pet

Pug → Bonitinho e Com Bom Comportamento

Se você deseja um companheiro para todas as horas, ter um pug é a escolha ideal, dentre todas as raças de cachorros existentes.

Possui características únicas, que o tornam tão queridos e amados por muitos.

O pug tem ficado cada vez mais popular, talvez pela sua cara tão bonitinha, sem contar do seu comportamento dócil, um cachorro para todas as horas, além de ser fácil criar.

A raça passou por diversas mudanças ao longo do tempo, tanto nas cores como fisicamente, desde um corpo mais esguio até mais gordinho, chegando ao modelo que conhecemos hoje.

Mas atenção o pug por possuir um estereótipo físico possui limitações e orientações de cuidados, quer saber mais? Fique ligado nesse artigo, se você tem um ou pensa em comprar um pug.

Breve História do Pug

Antes de falar propriamente do pug, vamos conhecer a sua história, assim como todo animal eles também possuem uma função original, além de ser uma excelente companhia.

A história dele é longa, então vamos resumir um pouco, essa raça de cachorro teve início na China antiga, segundo pesquisadores em 700 A.C.

Os cientistas que pesquisaram a raça disseram que poderia não ser propriamente a forma que conhecemos hoje, mas que seria o que deu origem a raça pug, no passado era conhecido como cão da boca curta.

O passar do tempo fez com que evoluísse e houve novos registros da raça pug no primeiro ano depois cristo, após 1300 anos, outras três raças de cães surgiram como semelhantes.

Quando os animais se acasalavam mesclando as raças, seus filhotes tinham os mais diversos aspectos, como pelo curto, pelo longo, as raças que originaram o pug são o Lo-sze, pequinês e Lion dog.

O pug é muito popular na Europa, mas a sua chegada no país ocorreu quando a China iniciou negócios no mundo exterior, enviando presentes sendo uma das raças bem vista no país, foi dado como símbolo de amizade entre os negociantes.

No passado o pequeno animal não era definido propriamente pug, nome que conhecemos atualmente, apenas em 1988 quando na monarquia, época de reis e rainhas, existem pinturas com quase 300 anos, imagine aquela carinha com tanta idade.

Devido a participação do cão na realeza, a raça se espalho rapidamente pela europa e outros países, ganhando diversos nomes, Carlin, Dogullo, Mops entre outros ainda mais complicados.

Apesar da realeza ter reconhecido os pugs, apenas no século XIX a raça foi reconhecida como tal, devido ao acasalamento de determinados animais, algumas características foram sumindo ao longo do tempo, criando a forma que você conhece atualmente.

Pug Preto

Os pugs tinha as mais diversas formas no passado, desde pelo curto, longo e misturas de cores, mas os cruzamentos seletivos deles levaram a algumas mudanças, mas algumas delas são visíveis até hoje.

Você sabia que há diferença física entre um pug preto e outro de qualquer outra cor? Pois bem, o preto e mais magro, podemos assim dizer e suas pernas são mais cumpridas, se comparado a outro.

Pug Branco

A raça não é branca, branca como papel, mas é próximo de um marfim ou algo do gênero, devido seleção entre os acasalamentos, um novo formato surgiu, que são os de pelo mais claro, que são conhecidos como abricot.

Essa raça tem uma mistura de pelagens mais clara e é bem diferente fisicamente do seu irmão de cor preta, pois os que são mais claros, possuem mais força física, são menores.

Preço

O cachorro em si é lindo, mas o preço nem tanto, por ser um cachorro de pedigree e possuir certidões e registros e outras coisinhas mais que vamos falar em breve, torna o preço dele um pouco caro.

O valor depende muito da linhagem, ainda mais se forem participantes de exposições de animais, nacionais e internacional.

Se o cão for apenas de pedigree simples, o valor pode variar de R$ 1 mil a R$ 3 mil, sendo macho, as fêmeas custam um pouco mais caro.

Pelo simples fato de reprodução, o valor salta para uma média de R$ 1,5 mil até R$ 5 mil, o que determina o valor basicamente são as características de uma linhagem.

Então pesquise bem na hora de comprar o seu há vários sites e petshops que vendem os animais.

Filhote e Preço

Os pugs filhotes são a coisa mais linda, da vontade de apertar e não largar mais, quem já viu deve lembrar, parece um urso de pelúcia.

O filhote também é comercializado em petshops e sites de compras, o valor pode variar assim como os adultos, indo facilmente de R$ 1 até R$ 3 mil, um macho e de R$ 1,9 mil até R$ 3,5 mil uma fêmea.

Porque os filhotes são mais caros que os adultos? Pelo simples fato de perspectiva de vida e pelas diversas interações em que pode inserir o seu animal.

Como por exemplo exposições, adestrar, exibição em revistas ou filmes e tantos outros que possa imaginar.

Para Doação

É muito comum encontrar anúncios de doações de animais, por diversos motivos, por abandono.

Por mudança de casa seja local ou país em fim, tantos motivos, fazem com que as pessoas procurem um novo dono para o seu animal.

Por ser um animal de pedrigree a doação geralmente acontece por meio de associações sem fins lucrativos.

Que ajudam os animais, isso porque eles conhecem outros donos e cuidadores que poderiam cuidar bem do animal.

Ainda há quem seja mais ousado e divulga na internet sem conhecer a pessoa e cuidados que poderiam ter com a raça, divulgam em sites de vendas online e redes sociais, estando sujeitos a sorte, o que é uma pena.

Adoção

A adoção de animais é a melhor forma de ajudar os cães, há tantos outros animais abandonados por ai.

Sabemos que muitas raças são lindas e o quão desejamos que elas estejam ao nosso lado para dividir momentos.

Mas pense que há outros que necessitam de um lar e que podem retribuir igual ou maior que um cachorro de pedigree.

Não estou dizendo para não comprar um cachorro, mas sim para refletir e dizer que há animais desamparados que também necessitam de amor.

Muitos deles encontram-se em associações de animais, que cuidam e encontram novos lares, por meio de feiras e dependem inteiramente de doações para se manter.

A doação não acontece da noite para o dia, isso porque é a associação averigua todas as informações dos futuros donos, se eles possuem e oferecem condições necessárias para criação adequada do animal interessado.

Após isso é feito preenchimento de formulários e dados, reconhecendo aquela adoção, parece burocrático, mas é apenas um meio de segurança de que aquele animal, não será abandonado ou mal tratado.

Em resumo a adoção funciona assim, cada associação possui seus meios de trabalho, então consulte a mais próxima da sua casa e adote um cão.

O Que Torna os Pugs, Pugs?

Você provavelmente deve ter ficado confuso com esse título, mas é verdade, quais características tornam o pug um animal fofo e desejado por muitas pessoas.

Então vamos a ficha animal:

O Peso

O animal deve pesar de 6kg a 8kg, passando disso é necessário ficar atento para obesidade, algo comum do século XXI, causando problemas a saúde animal.

Além disso peso é importante, para que a estrutura física do cão não seja modificada, os especialistas e criadores, afirma que ele deve ter um formato quadrado, isso seria o sinal de equilíbrio, se ficar redondo algo está errado.

Focinho e Cabeça

Além do tamanho o focinho todo enrugado e sua cabeça pequena é o que mais chama atenção na raça pug, uma das características da raça é que as cabeça deve ser redonda, isso quando o pedigree é bom, pois como dissemos, o cruzamento seletivo aprimora a raça, eliminando traços.

O focinho dos pugs tem pelagem preta é e achatado, com um olhar saltado, brilhante com uma luz olhando com tamanha expressão.

Outra característica que vemos é as orelhas, onde suas pontas devem ser pretas, no caso do abricot e nas rugas, a pelagem deve ser mais escura que as que ficam aparente, além de possuírem uma enorme ruga em cima do nariz, isso ajuda a definir um bom pedigree.

Calda

Uma das coisas que também chamam atenção na raça é a calda, que é totalmente enrolada, você pode encontrar com uma volta só e com duas voltas.

Os que possuem duas voltas na calda, são os mais requisitados por expositores ou para que sejam usados em comerciais ou mídias, isso porque são os mais bonitos segundo especialistas.

Temperamento do Pug

Quando escolhemos um cão o temperamento dele é um fator decisivo para que faça parte do nosso convívio.

A raça pug é um excelente companheiro, pois além de fiel é sociável e dócil com as pessoas e facilmente pode se familiarizar com outros estranhos, ainda mais se forem crianças.

Claro que nem tudo é perfeito, há os que não seguem o gene, mas nada que uma visita a um veterinário não ajude.

Quem possuem um pug diz que é companheiro ao extremo, seguindo o dono aos diversos lugares, como banheiro, cozinha, quarto, privacidade pra que?

Você não ouvirá um latido, como de costume, isso é uma das características da raça, um ronco intercalado por grunhido, semelhante a um engasgo será o seu latido, então não se assuste.

Cuidados

Apesar de lindo e bonito são necessários alguns cuidados para que assim possa permanecer saudável e acompanhando você onde quer que vá.

  • Os pugs não lidam muito bem com altas temperaturas, podem causar fadiga no cão e hipertermia, é como se fosse um sobreaquecimento, podendo até falecer;
  • Outro cuidado importante é com os olhos, por serem saltados pode facilmente ser feridos ou irritados com alguma coisa do ambiente externo, então atenção com brincadeiras;
  • O pug não é um animal de corrida, ele até corre mas não como os demais, muito exercício pode fazer com que tenha uma parada respiratória, por causa do trato respiratório ser curto e pequeno;
  • Os pugs necessitam de banhos especiais, é necessária atenção com as dobrinhas, pois pode acumular sujeira, criando um mal odor ou mesmo desenvolvendo bactérias de pele, o ideal é que limpe pelos menos as rugas com um pano úmido a cada 3 dias, lembrando de secar depois;
  • Alimentação é outro ponto que deve ser acompanhado de perto, ele engorda facilmente então comida duas vezes ao dia, em pouca quantidade, quando adultos, já filhotes precisam de se desenvolver, então nos primeiros meses pode dar bastante;
  • Na hora de dormir não se assuste, ele ronca mesmo;
  • Para evitar pelos pela casa toda, escove o cachorro, isso remove os fios mortos, reduzindo a queda pela casa.

Atividades

O pug é um cachorro de companhia, então você pode leva-lo para pequenas caminhadas, sempre lembrando do sol.

Você pode ensiná-lo alguns truques, como pegar a bolinha e entregar a você, sentar, deitar e dar a patinha, há várias técnicas de adestrar, que vão desde o tom de voz até gestos que podem ser interpretados pelos pequeninos.

O banho apesar de um cuidado, também é uma atividade que pode fazer com o seu cão, os adestradores sugerem que fale com ele e brinque com ele, até dê petisco se necessário, para que associe o banho a um momento bom.

Você pode por meio de brincadeiras ensinar o seu cão o que pode ou não pode, como por exemplo subir em determinados moveis da casa ou morder.

A possibilidade de interação com um pug é enorme, muitos famosos têm criação da raça, além disso também é motivo de autografo, a raça participou do filme MIB – Homens de preto, filme de 1997, dirigido Barry Sonnenfeld teve sequência de três outros filmes, há rumores que terá um quarto e o pug estará lá.

O filme tornou ainda mais popular a raça pug, verdade seja dita, quem consegue resistir aquele olhar doce e meigo, além da carinha enrugadinha com a língua de fora, impossível resistir, a verdade é que o pug é uma raça para ficar do seu lado a qualquer momento.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (2.465 votes, average: 3,79 out of 5)

Sobre a Autora

Camila Bertolli

Olá, eu sou a Camila Bertolli, dona do blog e escritora a algum tempo!
Sempre que possível tento trazer os melhores conteúdos, então, acompanhem para se manterem atualizados. Não esqueçam de deixar seus comentários rs 🙂❤

Deixe um Comentário