Consulta

Extrato INSS → Saiba Aqui Como Consultar e Reaver o Seu Extrato do INSS!

O Instituto Nacional do Seguro Nacional (INSS) é o órgão público responsável por receber todas as contribuições feitas pelos trabalhadores e empresas para a Previdência Social.

Essa contribuição é feita tanto por empresa como pelas pessoas tem como o objetivo principal a aposentadoria, que demora em média 30 anos (de contribuição ativa) para acontecer.

Todos outros auxílios relacionados a pensões (inclusive o caso de pensões de morte), auxílio doença, auxílio acidente, e vários outros benefícios com caráter assistencialistas são feitos pelo próprio órgão.

Hoje o Brasil conta com cerca de 17% da sua população como aposentados (dados apontados pelo IBGE).

Deste número de milhões de pessoas, 70% ganham salário mínimo, o que é claro, não é um bom quadro tendo em vista os gastos referentes à terceira idade.

Esse grande número de pessoas aposentadas hoje pelo INSS ocorre por que o Brasil está rapidamente caminhando para ter uma das populações mais idosa do mundo.

Até o momento, o Brasil parece se encontrar no ranking de número nove para a população mais idosa, e dentro de alguns anos, estima-se que mais de cinco milhões de aposentados irão entrar para o quadro de beneficiados do INSS.

Com números de aposentados cada vez mais altos, surgiram mudanças em todos os quadros da previdência social para garantir que o sistema não quebre.

Além dessas mudanças que foram consideravelmente sensíveis para o brasileiro comum e trabalhador, o órgão ainda é extremamente burocrático quanto ao benefício e quanto a todas as tarefas que são competentes a ele.

Muitas pessoas apesar da contribuição garantem que os números recebidos não são suficientes para ter um sustento adequado e garantem que uma das melhores opções mesmo na aposentadoria é voltar para o mercado de trabalho.

Outro número que cresce bastante, é o número de aposentados que voltam ao mercado de trabalho justamente pela incapacidade de conseguir se sustentar apenas com os baixíssimos valores do salário da aposentadoria.

Em meio a todas essas mudanças e necessidades, hoje a possibilidade de ver o extrato INSS se tornou uma realidade, e várias pessoas hoje já podem verificar o seu extrato INSS 2016 pela internet ou por qualquer outro meio relacionado ao dataprev.

Como Verificar o Extrato INSS?

Uma das maneiras mais fáceis de verificar o seu Extrato INSS é pela internet. Qualquer pessoa interessada pode utilizar a internet para visualizar o seu extrato INSS e ter acesso a todas as informações básicas referentes à sua contribuição feita.

Normalmente o acesso ao extrato inss pela internet é bem mais rápido e eficiente do que optar por um atendimento presencial. Isso se dá justamente pela altíssima burocracia e volume de pessoas que vão para as agências de serviços localizados em todo o país.

Muitas pessoas passam horas na fila e em alguns casos ainda não conseguem ter acesso a todas as suas informações, por vários motivos diversos. Um dos mais falados, é claro, é a “queda do sistema” que acontece comumente em todas as agências físicas.

Para resolver esse problema, opte por efetuar a verificação do seu extrato pela internet de forma gratuita. Tudo o que você precisa ter em mãos são os seus documentos e dados cadastrais como:

  • Número do benefício;
  • Data de nascimento;
  • Nome do beneficiário;
  • E CPF.

Todas essas informações devem ser inseridas no site do dataprev, que você pode acessar clicando aqui (clicando nesse link você será redirecionado para o site dataprev).

Estando nesse site, você terá acesso à verificação do seu Extrato INSS e basta que você insira todos os dados necessários para fazer a sua pesquisa.

Após preencher todo o formulário e clicar em visualizar, todos os dados do seu extrato INSS estarão disponíveis na tela do seu computador.

A maioria das pessoas que opta por essa modalidade de atendimento recebe todos os dados que estão procurando em questão de minutos, e raramente acontece algum problema ou complicação com esse sistema utilizado na internet.

Sendo assim, essa hoje, é uma das melhores opções que a pessoa que está se aposentado tem de observar todos os dados para realmente conseguir ter em mãos todas as informações necessárias para ficar ciente de todo o seu processo de contribuição.

Extrato de Contribuição de Empresas

Hoje o trabalhador também pode ter acesso a todas as contribuições feitas pela sua empresa.

O extrato de contribuições de empresas garante que o trabalhador tenha uma noção do quanto já foi feito de contribuição, e fazer dessa forma um cálculo médio para pensar no inicio do seu processo de aposentadoria.

Esse processo além de dar esses dados de contribuição, também funciona como uma espécie de segurança para o trabalhador que está em dúvida ou não se a contribuição está sendo feita mensalmente pela empresa em que ele exerce alguma função de trabalho formalizada.

Essa consulta também é feita mediante o dataprev que está diretamente relacionado ao sistema da receita federal para poder fazer esse extrato INSS.

O procedimento é bem semelhante à primeira modalidade de consulta, e normalmente as pessoas não apresentam nenhum problema para acessar o extrato de contribuição de empesas ao INSS.

Para fazer essa consulta a pessoa precisa estar com o CNPJ, competência e senha nas mãos para poder fazer essa consulta.

Em casos em que a pessoa não possui senha, basta clicar em “cadastrar senha” e fazer o recadastramento para conseguir uma senha utilizável no site, que você pode visitar clicando aqui (você será direcionado para o site da dataprev).

Por Que Fazer a Consulta do Extrato de Contribuição de Empresas?

Essa consulte garante que todos os valores estão sendo depositados corretamente de acordo com o seu direito social trabalhista.

Isso garante que você pessoa física pode ficar tranquila em relação aos seus anos trabalhados, tendo a certeza que todo esse período o valor de contribuição foi feita sem maiores problemas.

Esse extrato de contribuição de empresas é fundamental para as pessoas físicas, para aposentados e também para o imposto de renda.

Para os aposentados, é devidamente importante que ter a ciência que todo o período foi feita a contribuição, e além dessa contribuição ter sido feita esse extrato de contribuição de empresas é fundamental para ajudar em questões referentes ao imposto de renda.

Pagamentos

Para verificar o Extrato INSS de pagamentos feitos pela previdência social o procedimento é o mesmo que o citado anteriormente.

A pessoa inicialmente se dirige ao site da previdência social, e em seguida preenche todo o formulário com os dados que são apresentados. Após todo esse procedimento, basta clicar em visualizar e o usuário do site terá em suas mãos todos os dados do seu extrato INSS.

Como foi citado anteriormente, esse procedimento é rápido e leva apenas alguns minutos. Raramente o site apresenta algum problema ou questão que impossibilite o acesso, e na grande maioria das vezes todo o acesso é dado de maneira simples e direta, o que torna a impressão do Extrato INSS muito fácil de fazer.

Extrato IRPF e IRRF

O Extrato IRPF se trata do Extrato do Procedimento da Declaração do Imposto de Renda sobre a Renda Pessoa Física.

Esse extrato tem como principal função identificar quaisquer pendencias que podem ter sido deixadas de lado durante os anos.

Em caso de alguma pendencia ser encontrada a resolução dessa pendencia em relação aos impostos pode ser ratificada por meio de declaração ou agendamento de atendimento para apresentação dos documentos comprobatórios.

É importante que o contribuinte saiba se as quotas do IRPF estão sendo pagas corretamente e sem dúvida nenhuma é importante que a pessoa física contribuinte também identifique e parcele eventuais débitos em atraso.

Isso garante que o cidadão de bem não sonegue impostos e é claro permaneça dentro de toda a legalidade dentro das suas responsabilidades tributárias.

A sonegação de impostos mediante a receita federal, ocultando bens ou quaisquer outras informações na hora do imposto de renda é crime e comumente pessoas que efetuam essa sonegação acabam com uma multa de altíssimo valor para quitar todos os dados.

Vale ressaltar, que essa multa também terá acréscimos e correção monetária de acordo com o tempo de sonegação.

Clique aqui (você será direcionado para o site da receita federal) e veja o passo-a-passo que a receita federal criou para que as pessoas consigam se orientar na hora de tirar o seu Extrato da Declaração do Imposto de Renda – para pessoas Físicas.

Esse ainda é o procedimento utilizado para tirar o extrato irpf 2016.

Em relação ao procedimento para tirar o seu extrato IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte) atualmente a pessoa deve entrar em contato com a própria receita federal para saber sobre informações e atualizadas, surgiu mais um reajuste que inicialmente seria de 6,5%, mas que acabou sendo de 4,5%.

Ao que indica a tabela irrf 2016, pessoas que ganham até 1.903 estão isentas da redução do IR (imposto de renda). Acima desses valores, o imposto de renda é variável de acordo com a sua renda mensal.

Pessoas que ganham acima de 4.664,68 precisam pagar uma alíquota de 27,5 incidente do seu salário (o que resulta de um valor no mínimo de 869,36 reais para o pagamento do imposto de renda).

Por essa razão, é fundamentalmente importante que a pessoa procure por informações tanto para a retirada do seu extrato como para saber exatamente qual é a sua alíquota de pagamento do imposto de renda retido na fonte.

Caso essas informações sejam omitidas ou sonegadas, certamente a pessoa que cometeu essa sonegação pode cair na famosa “malha fina” e acabar com uma dor de cabeça que pode custar um valor bem alto.

Inclusive dependendo da sonegação, essa dor de cabeça pode custar uma prisão caso exista algum crime de sonegação apresentado e comprovado no ministério público federal.

Portanto, fuja desse problema e saiba o quanto antes as suas informações necessárias para que você consiga de fato resolver os problemas inerentes do seu imposto de renda.

Algumas Perguntas Frequentes

Muitas pessoas apesar de apenas quererem fazer a consulta do seu extrato INSS, ficam com dúvidas em relação a sua aposentadoria e também aos seus direitos.

Algumas dessas pessoas, também ficam com dúvidas em relação ao imposto de renda e várias outras questões básicas que competem toda ordem financeira da sua previdência social.

Algumas dessas dúvidas é recomendado que você procure um profissional, principalmente se o assunto for relacionado à impostos, tendo em vista que em caso de sonegação existem vários problemas que podem acontecer e inclusive multas a pagar.

Em todo o caso, algumas dessas perguntas mais simples e mais frequentes serão discutidas aqui ao longo do fim desse texto.

1.Quanto Tempo Leva Para me Aposentar?

De fato houve mudanças na lei que garante o benefício de aposentadoria para as pessoas de terceira idade.

Essa mudança, foi mais uma mudança feita no governo Dilma, e que repercutiu negativamente por toda a sociedade – principalmente por que nos dias de hoje o tempo para se aposentar parece que aumentou.

Essa mudança é caso de muita discussão, e inclusive já existem profissionais da justiça considerando a revisão em toda essa lei que fez a mudança da aposentadoria por idade.

Em média, um homem para se aposentar precisa ter a idade mínima de 65 anos, e uma mulher precisa ter a idade mínima de 60 anos.

Em relação à contribuição, o cidadão precisa ter no mínimo contribuído por 180 meses durante esse período e em troca dessa contribuição a pessoa estará apta a se aposentar por um salário mínimo.

Vale lembrar que essa é uma das associações mais básicas que podem ser feitas, e não se leva em conta a quantidade de salário nem todos os outros anos que a pessoa teve que pagar para garantir a sua aposentadoria.

Essas informações também foram tirados do site da previdência social, caso você queira ler diretamente no site clique aqui para ler a respeito  (você será direcionado para o site oficial da previdência social).

2. Não Consigo Tirar, o Que eu Faço?

Em tese, você não deveria ter nenhum problema para tirar o seu extrato INSS pela internet. Caso algum problema ocorra, é bem provável que o problema seja do site da própria dataprev ou é provável que o problema seja do seu computador.

Para começar a eliminar os problemas e os erros, recomece preenchendo todo o formulário com os seus dados corretamente.

Algumas pessoas não conseguem efetuar a consulta do seu extrato inss por que acabam por inserir várias informações equivocadas, e dessa forma, o site não produz o resultado esperado.

Vale a pena perder um tempo para reavaliar e conferir todos os dígitos que foram digitados na tela.

Caso você tenha digitado tudo corretamente e ainda não tenha conseguido as informações do seu extrato INSS, procure saber mais a respeito do navegador de internet que está sendo utilizado no seu computador.

Em caso de navegadores desatualizados existe a possibilidade de erro durante o processo de consulta, e por essa razão é importante que você sempre mantenha todos os programas da sua máquina (ou computador) atualizados corretamente.

Por fim, um dos problemas que pode acontecer, é o site se encontrar fora do ar. Nesse caso, mesmo que você clique para prosseguir com a sua consulta, é bem provável que o site aponte algum erro ou problema na hora da consulta.

Quando isso acontece, é importante ter em mente que o problema é do sistema e não do seu computador e da sua digitação, e por essa razão é importante que você espere algumas horas e tente acessar o seu extrato inss novamente.

Caso nenhuma das soluções anteriores resolva o seu problema, infelizmente você terá que se dirigir a um atendimento físico para conseguir retirar o seu extrato INSS.

Nesse caso, somente um funcionário do local poderá te dar mais informações do que fazer quando você se deparar com esse problema de não conseguir fazer essa verificação online.

3.Como saber quanto eu tenho que pagar de Imposto de Renda?

Se você for uma pessoa que ganha apenas um salário mínimo (ou abaixo de 1.903 reais) é bem provável que você não pague nenhum valor para o imposto de renda.

Todavia, é extremamente importante que você entre em contato com um profissional para conseguir tirar as suas dúvidas em função do imposto de renda.

Só para lembrar mais uma vez, sonegar imposto é crime e caso você passe muitos anos com inadimplência é bem provável que você receba uma multa referente a todos os valores que não foram pagos.

Nesse caso, tenha em mente que essa multa normalmente costuma ser todo o valor que está em débito e ainda serão acrescentados 20% total desse valor (com juros e correção monetária), o que transforma essa multa em um incrível montante.

Por essa razão, é importante que você tire o seu extrato IRPF o quanto antes para saber todas as informações referentes do seu imposto de renda para pessoa física.

Lembrando que as informações do Extrato INSS não são referentes ao seu extrato referente aos seus impostos. Ambos os extratos apontam situações diferentes e devem ser observados atentamente.

O extrato INSS é referente apenas a sua previdência social, e portanto ele compete apenas a sua aposentadora.

No extrato INSS estarão os valores que você recebeu mediante aos pagamentos feitos pela previdência social.

Caso você tenha dúvidas em relação ao seu Extrato INSS e ao imposto de renda, procure informações em um órgão competente, como a própria previdência social ou nos casos do imposto de renda a receita federal.

O extrato INSS é uma facilidade que você tem para apenas ter em mãos os dados do pagamento da sua aposentadoria.

Extrato INSS

INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) é o órgão que efetua pagamentos aos aposentados que quando em atividade contribuíram  com a Previdência Social. É garantido aos trabalhadores:

  • Aposentarem-se após concluir o período específico de trabalho;
  • Aposentarem-se por não ter condições para realizar trabalho;
  • Décimo terceiro;
  • Colaboração para os que sofrem acidentes;
  • Assistência aos doentes;
  • Assistência aos que dependem do trabalhador e caso de morte;
  • Ajuda de custo às trabalhadoras que acabaram de ter filhos;
  • Salário extra perante a quantidade de filhos;
  • Reinserção no mercado de trabalho aos que não tem condições de exercer o trabalho atual;
  • Entre outros.

Extrato de Pagamento

Saiba como tirar seu extrato do inssO extrato de pagamento apresenta informações aos que se beneficiam do INSS. Com ele podemos verificar quantias e dias nos quais as mesmas foram depositadas.

É possível obter o extrato de pagamento nos caixas eletrônicos, em agencias da Previdência Social e até mesmo pela internet de forma fácil, segura e rápida, sem sair de casa.

Além disso, você pode consultar sua certidão negativa do DATAPREV também através do site. Sem a necessidade de esperar horas para saber o resultado da mesma juntamente a seu saldo.

Como faço para consultar o extrato pela internet?

É muito simples, você precisa apenas de um computador, notebook ou até mesmo um celular com conexão à internet, seus dados pessoais e o número do benefício.

  • Primeiro passo: Abra seu navegador de Internet e acesse o site oficial através do site oficial;
  • Segundo passo: Preencha com seus dados os espaços destinados aos mesmos, digite os caracteres de segurança e clique em visualizar.

Pronto, agora você pode visualizar o seu extrato de pagamento.

Aumento nos benefícios INSS

Um aumento de 11,28%  foi apresentado no dia oito de janeiro deste ano aos beneficiados do INSS que recebem acima de um salário mínimo. Isso reflete numa margem de mais de vinte e um bilhões de reais a mais aplicado pelo governo aos que recebem aposentadorias.

Consultando o saldo pela internet

Se você recebe mais de um salário mínimo pode verificar o aumento pela internet, seguindo os passos já passados. Coloque os valores na ponta do lápis e veja se realmente o aumento está incluso no seu pagamento. Uma coisa simples que pode evitar futuras dúvidas.

Ajuda de custo às trabalhadoras que acabaram de ter filhos

 O sonho de muita mulher é ser mãe, mas certas barreiras se encontram no caminho, planejamentos, cuidados, gastos. O INSS disponibiliza às Trabalhadoras que pretendem ter filhos, por parto ou por adoção, direito a uma ajuda de custo com durabilidade limitada, normalmente de cento e vinte dias.

O pedido pode ser feito pela internet, facilitando o procedimento e os documentos devem ser enviados pelos Correios.

Veja aqui alguns o detalhes sobre o inssEmpregada doméstica

Uma dúvida muito comum é sobre a forma de pagar o INSS de empregado doméstico, assim como trabalhador avulso e empregado comum. Nesses casos, temos que aplicar a alíquota sobre o valor que o trabalhador recebe.

A maneira de contribuição para o INSS para o empregado doméstico será feita pelo e-Social. Já para o empregado comum, deve ser feito através da folha de pagamento e para o trabalhador avulso, o pagamento deve ser realizado pela folha da secção ou órgão.

O e-Social congloba as obrigações trabalhistas. Para realizar o cadastro do empregado no e-Social você vai precisar de:

  • CPF;
  • Data em que nasceu;
  • País em que nasceu;
  • NIS ou NIT,PIS,PASEP,SUS;
  • Grau de estudo;
  • CTPS (Carteira de Trabalho da Previdência Social) número, série e UF;
  • Local onde mora e onde trabalha;
  • Data que foi contratado e data de opção do FGTS;
  • Remuneração de acordo com o contrato;
  • Contato;
  • E-mail.

Há um tempo atrás, a forma de pagar o INSS era o GPS ou o GFIP.

GPS INSS

GPS é uma guia impressa nos depósitos realizados pelo internet banking e é utilizada por trabalhadores que não apresentam contrato em regime CLT, como por exemplo os autônomos.

Guia do Previdência Social de todos os estados

Para recolher a contribuição, é necessário o NIT (Número de Identificação do Trabalhador).

GFIP INSS

GFIP (Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social), por qual o INSS recebe dados para atualizar a CNIS (Cadastro Nacional de Informações Sociais), mantendo atualizado o cadastro e o salário de seus empregados.

A GFIP entrou no lugar da Guia de Recolhimento do FGTS – GRE, e trouxe informações e atualizações de interesse da Previdência Social.

Previdência Social

A Previdência social tem o objetivo de tornar contínuo o recebimento de renda para o trabalhador e sua família quando ele se torna incapaz de trabalhar.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4.261 votes, average: 4,61 out of 5)

Sobre a Autora

Camila Bertolli

Olá, eu sou a Camila Bertolli, dona do blog e escritora a algum tempo!
Sempre que possível tento trazer os melhores conteúdos, então, acompanhem para se manterem atualizados. Não esqueçam de deixar seus comentários rs 🙂❤

Deixe um Comentário