Cartões

Dataprev → Encontre Mais Informações Sobre Essa Empresa e a Previdência

A DATAPREV é uma empresa pública nacional é vinculada ao Ministério da Previdência Social.

Todo o trabalho dessa empresa é voltado para a manutenção e construção do Banco de Dados de todas as pessoas que fazem parte da previdência.

Em especial, todas as pessoas do INSS estão automaticamente contidas no Banco de dados da DATAPREV.

Atualmente, esse é o maior banco de dados de toda a América Latina e até o momento a DATAPREV nunca deixou de pagar os benefícios ( a empresa também nunca atrasou nenhum pagamento ).

A DATAPREV foi criada em 1974 através da lei de nº 6.125, que tinha como objetivo unificar todos os bancos de dados da previdência existentes até 64.

Desde então, a empresa atua no setor previdenciário com caráter assistencialista, e possui no Brasil vários “clientes”, sendo eles:

  • O INSS;
  • O Ministério do Trabalho e Emprego ( MTE );
  • O da Previdência Social ( MPS );
  • A Secretaria de Receita Federal do Brasil ( SRFB );
  • O Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão ( MPOG );
  • E o do Desenvolvimento Social e combate à Fome ( MDS ).

Cerca de 51% de todo o capital nacional destinado para razões sociais são destinados para o INSS e todo o resto ( os restantes 49% ) são distribuídos para todos os outros programas do governo.

No geral, a empresa é considerada vanguarda da tecnologia na América latina e a infraestrutura de todo o banco de dados é considerada de ponta.
Em especial, a DATAPREVI faz parte da vida de uma grande parcela da sociedade que no fundo, mal sabe que a empresa existe.

NIT – Número de Identificação do Trabalhador

Todas as pessoas que se cadastram na Previdência Social recebem automaticamente o NIT – o Número de Identificação do Trabalhador.

Com esse número, você passa a ter uma identificação em todo o banco de dados da DATAPREV e em seguida pode efetuar várias ações como cadastro.

Consulta do PIS/PASEP e quaisquer outras atividades que sejam necessárias para ter informações a respeito da sua previdência social.

Esse número é como se fosse uma espécie de “Registro Geral” do trabalhador, e é através dele que você será identificado no banco de dados.

E é através desse número que todos os benefícios e/ou auxílios serão direcionados para você.

GPS – Guia da Previdência Social

A Guia da Previdência Social ( GPS ) pode ser impressa pela internet. Essa guia se trata de um formulário para cadastro com todas as informações do empregado para dar inscrição no seu INSS.

Essa Guia apresenta 12 campos para cadastro e no geral todas as informações estão contidas nela. Todo o processo de cadastro em relação a sua GPS é simples e de fácil acesso, e na maioria dos casos não existe dificuldade aparente para efetuar todo o cadastro no formulário da GPS.

CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais

O Cadastro Nacional de Informações Sociais ( CNIS ) é o sistema onde qualquer trabalhador cadastrado pode verificar os seus dados que o empregador ( a empresa onde você trabalha ) envia para o cadastro do INSS.

Nesse site/sistema, você também poderá ter acesso para ver todas as contribuições feitas pelo seu empregador foram devidamente feitas. O CNIS é uma excelente ferramenta.

Caso você queira fazer uma consulta no DATAPREVI CNIS clique no endereço eletrônico ao lado para ser direcionado para o site da consulta.

Como Fazer a Inscrição no CNIS?

Atualmente você pode fazer o seu cadastro no CNIS para dar entrada no seu INSS com o autoatendimento. Dessa forma, você preenche todo o formulário com todas as suas informações de cadastro e em seguida ao término desse procedimento você recebe o seu número de inscrição.

É importante que todos os dados sejam cadastrados corretamente, caso o contrário será necessário que você faça outros procedimentos para efetuar a correção.

Nesse caso, acredita-se que somente em uma das agencias de atendimento da Previdência Social são capaz de fazerem esse serviço.

Para dar inicio ao seu cadastro clique no link abaixo para ser direcionado para a página de cadastro, ao final dessa página existirá um botão chamado “inscrição”.

E nele, é onde começará todo o procedimento para que você possa efetuar o seu cadastro.

É recomendável que você leia todas as instruções atentamente e faça o procedimento conferindo todos os campos cadastrados.

Como Fazer Uma Consulta no DATAPREV?

A DATAPREV atualmente possui vários serviços de consulta no seu sistema atual.

Esse sistema normalmente é acessado pelo site da empresa onde são disponibilizados vários serviços.

Esses serviços estão basicamente divididos em:

  • Consulta do Extrato de Pagamento;
  • Requerimento do Auxílio Doença;
  • Outros serviços relacionados ao atendimento ao contribuinte.

Todas essas consultas são feitas de maneira gratuita, e também podem ser feitas em qualquer dispositivo eletrônico que possua acesso à internet.

Abaixo nós vamos exemplificar cada uma das consultas e como é o procedimento para fazer. O procedimento no geral é bem parecido e a pessoa que utilizar o sistema com certeza não terá dificuldades em discorrer o processo.

Consulta do Extrato de Pagamento no DATAPREV

A consulta do Extrato de Pagamento é feita pelo site oficial do dataprev.

Para fazer o extrato, basta que você preencha todo o formulário com as informações que estão sendo pedidas. Serão necessários o número do benefício, data de nascimento, nome do beneficiário e o CPF.

Em seguida, basta preencher a imagem de segurança e então clicar no botão “visualizar”.

Requerimento do Auxílio Doença no DATAPREV

Apesar de não ser necessariamente uma consulta, o requerimento do auxílio doença é fundamental.

É com ele que você dará o início da sua “jornada” para começar a busca pelo direito de receber esse auxílio assistencial. 

Em seguida, leia todas as informações e tenha em mente que você precisará ter em mãos as seguintes informações:

  • O NIT;
  • CPF;
  • Categoria do trabalhador ( se você trabalha como empregado, desempregado, tem trabalho doméstico ou rural );
  • Nome do empregador ( no caso de empregado doméstico );
  • E a data do último dia de trabalho ( no caso das pessoas empregadas ) – nesse caso é preciso o CID do atestado médico que gerou o afastamento do seu trabalho e o CNPJ da empresa que foi o seu empregador;
  • Após todos esses dados em mãos basta clicar em “requerimento” e seguir o passo-a-passo que o sistema irá apresentar na tela do seu computador.

O Papel do NIT em Qualquer Consulta

Em primeiro lugar é preciso que você faça todo o procedimento de cadastro do Número de Identificação do Trabalhador. Após esse processo você estará apto para fazer quaisquer consultas disponíveis no site do DATAPREV a respeito do INSS.

De maneira geral as próprias consultas que foram citadas anteriormente necessitam do NIT, e sem esse número fica impossível fazer qualquer ação no site.

O NIT na verdade não pode ser “consultado” e somente cadastrado. Ao fim do cadastro você receberá o NIT e em seguida estará apto para realizar quaisquer consultas no site DATAPREV.

Verificando a Situação do seu Benefício

Ao fazer o pedido do seu benefício, é possível que a pessoa que esteja interessada ( a pessoa que efetivamente fez o pedido ) acompanhe toda a situação e o andamento desse auxílio.

Esse site também está relacionado ao banco de dados da DATAPREV e assim como todas as outras consultas ela é feita de maneira simples e rápida.

Para fazer essa verificação é importante que você tenha em mãos o número do beneficio, a data de nascimento, o número do beneficiário e o CPF.

Após esses dados toda a consulta é feita sem o menor problema, e o resultado irá aparecer na próxima página.

Para fazer todo o procedimento visite o site da Previdência Social e em seguida clique em Acompanhar pedido para ter acesso ao formulário para fazer a sua consulta/verificação.

Posso Consultar o PIS Pelo DATAPREV?

Atualmente a DATAPREV não possui em seu banco de dados quaisquer informações referentes ao PIS. Essas informações ficam no banco de dados da Caixa Econômica Federal que é o órgão responsável por fazer o pagamento a respeito dos benefícios empregatícios sociais.

Caso você precise fazer a consulta do seu PIS visite o site da Caixa.

Para fazer a consulta é necessário que você tenha em mãos o NIS ( número de identificação social ) e a senha internet.

Caso você tenha perdido a sua senha clique em “esqueci senha” e caso você ainda não tenha nenhuma senha cadastrada, clique em “cadastrar senha”.

Perguntas Frequentes

Muitas pessoas possuem dúvidas em relação ao DATAPREV e toda a sua atuação no Brasil. Normalmente essa dúvida entra bem onde começam os “nomes” dos benefícios ou dos órgãos públicos que são responsáveis por garantir os benefícios.

Para solucionar essas dúvidas a partir desse momento no texto nós vamos abordar várias algumas das questões mais frequentes que as pessoas costumam perguntar.

1.O DATAPREV é a Mesma Coisa Que o INSS?

Não. O DATAPREV é apenas o banco de dados que compõem todos os aposentados do INSS. Essa confusão é muito comum principalmente pela frequente busca das pessoas por consultas e ou informações a respeito do seu benefício.

Quando isso acontece, é quando o DATAPREV entra em ação. É pelo sistema do DATAPREV que você faz qualquer consulta para ter informações a respeito do seu INSS.

Nesse momento, todos os sites e inclusive os seus dados são cruzados em todo o banco nacional do sistema da DATAPREV para que você receba o resultado da sua pesquisa no seu computador.

2.O Número NIS é o Mesmo Que o NIT?

Não. Essa confusão também é comum.

O número do NIS ( que significa Número de Identificação Social ) é utilizado para quaisquer outros benefícios relacionados ao trabalho.

Normalmente esse número está relacionado ao PIS e ao PASEP, tendo em vista que esse é o número utilizado para que você faça a consulta ou até mesmo faça o cadastro do seu PIS/PASEP.

Outra utilização do NIS é no Cadastro Único, onde as famílias menos favorecidas devem se cadastrar para receber benefícios como a Bolsa Família ( que inclusive, utiliza o digito final do NIS para determinar o seu calendário de pagamento).

Por outro lado, o NIT é o Número de Identificação do Trabalhador, e este é utilizado para fazer as consultas no DATAPREV.

Esse número é principalmente importante para quaisquer consulta ou pesquisas que você venha a fazer em relação aos seus benefícios de INSS ( ou de auxílio doença por exemplo ).

Em suma os dois números são utilizados para princípios sociais, porem o NIT é mais utilizado para questões relacionadas a previdência social, e o NIS é mais utilizado para programas assistenciais na sociedade.

Tenha sempre em mente que você provavelmente em algum momento irá ter esses dois números cadastrados.

3.Posso ir em Algum Lugar Para Fazer as Minhas Consultas do DATAPREV?

Sim. De um modo geral você não precisa de forma alguma utilizar o DATAPREV por sua conta para fazer consultas.

Essa é apenas uma maneira de várias outras que você tem a sua disposição para ter acesso as suas informações importantes.

Caso você não se sinta confortável utilizando o site do DATAPREV, a outra opção que você tem é ir a uma agência do INSS pessoalmente.

Dessa forma você faz a consulta de todos os seus benefícios ou inclusive da entrada de maneira física sem precisar utilizar a internet.

Essa opção ainda é muito utilizada e ainda uma larga parcela da sociedade prefere ir “ao vivo” para resolver os seus problemas.

Isso se dá por dois motivos básicos. Um deles é a falta de acesso a um computador e/ou a internet. Quando isso acontece muitas das vezes a pessoa fica sem reação e não sabe para onde correr para fazer essas consultas.

O segundo motivo é a falta de conhecimento em informática. Esse segundo motivo se estende para outros motivos mais sérios como inclusive a descrença de que o sistema DATAPREV pode não funcionar corretamente em casa ou pela internet.

Com o tempo, é provável que o governo consiga cada vez mais levar a informações relevantes para as pessoas que ainda não possuem pleno acesso à internet.

4.Posso Acessar o DATAPREV Sem Acesso a Internet?

Não. Como foi dito anteriormente, caso você não tenha a internet é necessário que você vá até uma agência física do INSS para esclarecer as suas duvidas e fazer as suas consultas.

No geral, não existe uma real diferença entre os dois procedimentos. A única diferença é que o autosserviço é fundamental para as pessoas que não podem se locomover e de modo geral ele é feito de maneira mais rápida.

5.Não Sei Mexer no DATAPREV, Como Posso Aprender?

Essa dúvida é muito comum e é talvez a dúvida mais frequente. Hoje no Youtube você pode ter acesso a inúmeros vídeos que fazem o procedimento passo-a-passo e em tempo real para que você não se perca em nenhum momento.

Todavia, utilizar o DATAPREV não é de forma alguma difícil e na verdade essa sua dúvida e/ou medo deve ser em relação à dificuldade anterior que você chegou a ter. O DATAPREV na realidade para fazer qualquer consulta é bem simples, basta que você preencha o formulário.

Com toda certeza, você em algum momento da vida já fez o preenchimento de algum formulário com os seus dados pessoais na rua ( já fez algum cadastro ou preencheu algum papel com o seu endereço e telefone por exemplo ).

No DATAPREV, tudo funciona da mesma forma, só que de maneira totalmente digitalizada pelo computador. Basta que você preencha seu CPF no campo do CPF e continue fazendo todo o procedimento de maneira seguida.

O único problema que pode acontecer é que a sua consulta pode não ser efetuada, e nesse caso, o problema só pode ter ocorrido por duas razões. Uma delas é que você pode ter errado algum dígito ou informação no preenchimento dessas informações, ou você deixou alguma área do formulário em branco.

Nas duas opções basta refazer e conferir todos os dados e em seguida pressionar em visualizar que provavelmente os seus dados estarão disponíveis. Esses erros são extremamente comuns e acredite, até mesmo os funcionários do INSS os cometem de vez em quando.

O único erro que não pode ser feito é o cadastro feito de maneira errônea.

Caso você erre seu nome, sobrenome ou qualquer outra informação do seu cadastro ( como no caso do cadastro do CNIS por exemplo ) você terá que se locomover até um agência física do INSS para poder “consertar” os erros que foram feitos no sistema DATAPREV.

De maneira geral, você pode optar por fazer o cadastro em uma agência e efetuar apenas as consultas pela internet na sua casa.

Assim você evita que algum erro mais sério possa ser cometido e assim você fica completamente seguro de qualquer outra questão que possa acontecer.

No geral, apenas um pouco de atenção é o suficiente para que você consiga acessar as suas consultas sem o menor tipo de problema.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (4.591 votes, average: 3,64 out of 5)

Sobre a Autora

Camila Bertolli

Olá, eu sou a Camila Bertolli, dona do blog e escritora a algum tempo!
Sempre que possível tento trazer os melhores conteúdos, então, acompanhem para se manterem atualizados. Não esqueçam de deixar seus comentários rs 🙂❤

Deixe um Comentário